YouTube volta a exibir vídeos musicais do R.Unido

Londres, 3 set (EFE).- O portal de internet YouTube, propriedade da Google, chegou a um acordo com a organização que representa os compositores britânicos, a PRS for Music, e começará nos próximos dias a exibir vídeos musicais, após a suspensão de seis meses.

EFE |

Conforme o YouTube explica em seu site, após meio ano de intensas negociações, a companhia conseguiu selar um acordo "razoável" com a PRS sobre a forma de pagamento para reproduzir os vídeos oficiais dos artistas britânicos.

A organização que defende os direitos autorais dos compositores também mostrou sua satisfação com a parceria.

Nem o YouTube nem a PRS, entretanto, deram detalhes sobre as condições do licenciamento, e só divulgaram que a parceria terá validade até 2012 e será retroativa a janeiro de 2009.

Em 10 de março, o YouTube anunciou o bloqueio temporário dos vídeos das empresas fonográficas do Reino Unido, devido ao "preço proibitivo" cobrado pela PRS e, ainda, por causa da "falta de clareza" sobre os direitos de propriedade intelectual que constavam na licença.

A medida afetou apenas os vídeos feitos pelas gravadoras, não os colocados na web pelos usuários, que sempre estiveram à disposição do público. EFE avh/dm-an

    Leia tudo sobre: iG

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG