Yeda extingue Conselho para o qual nomeou marido

Ao extinguir o Conselho Estadual de Comunicação Social, a governadora do Rio Grande do Sul, Yeda Crusius (PSDB), exonerou o próprio marido, Carlos Crusius. O Conselho foi criado por decreto no início do governo, com a tarefa de acompanhar e supervisionar ações de divulgação, publicidade e comunicação das administrações direta e indireta, e tinha a participação de Crusius por causa de seu conhecimento na elaboração de pesquisas cientificas.

Agência Estado |

Dois de seus integrantes, Paulo Fona e Isara Marques, já haviam sido exonerados.

Ontem, o Diário Oficial saiu com o decreto extinguindo definitivamente o conselho. No início do governo a presença de Carlos Crusius na administração foi questionada. Como os conselhos não são remunerados com salários, foi criado o Conselho de Comunicação Social, desta forma se evitava denúncias de nepotismo.

    Leia tudo sobre: iG

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG