Índice de voos cancelados superou 45% no fim desta terça-feira

Os passageiros da Webjet enfrentaram novos problemas nesta terça-feira. Dos 130 voos programados até 22 horas, 61 foram cancelados (46,9 %) e 20 tiveram atrasos (15.4 %) segundo a Empresa Brasileira de Infraestrutura Aeroportuária (Infraero).

Aviões da Webjet no pátio da companhia, no Aeroporto Santos Dumont, no Rio de Janeiro
AE
Aviões da Webjet no pátio da companhia, no Aeroporto Santos Dumont, no Rio de Janeiro

No balanço das 7h, a companhia ja registrava 45% de cancelamentos em seus voos programados. Na segunda-feira, passageiros da companhia aérea enfrentaram diversos transtornos nos aeroportos onde a empresa atua. Dos 129 voos programados para até as 21h em todo o País, 46 (35,7%) foram cancelados e 39 (30,2%) tiveram atrasos. Pela manhã, os cancelamentos chegaram a mais de 50% do total de voos da companhia.

Balcão da companhia aérea Webjet no Aeroporto Internacional André Franco Montoro em Guarulhos (SP)
AE
Balcão da companhia aérea Webjet no Aeroporto Internacional André Franco Montoro em Guarulhos (SP)

Por conta dos atrasos, a Agência Nacional de Aviação Civil (Anac) suspendeu a venda de bilhetes da Webjet para os voos programados até a próxima sexta-feira, e também vai intensificar a fiscalização da companhia tanto nos aeroportos quanto no centro de operações da empresa. Em nota a companhia afirmou que foi obrigada a reduzir o número de voos para cumprir a lei que regula os limites de trabalho dos aeronautas.

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.