Webjet tem mais de 50% dos voos atrasados

Companhia aérea atribui problemas a condições meteorológicas. Aeroportos têm atrasos nos voos

iG São Paulo |

Os passageiros da Webjet enfrentam diversos trantornos nesta segunda-feira. De acordo com boletim da Empresa Brasileira de Infra-Estrutura Aeroportuária (Infraero), dos 93 voos da empresa programados para até as 17h, 102 (55.9%) tiveram atrasos. Outros 18 (17,6%) foram cancelados.

Procurada, a empresa atribuiu os atrasos a "problemas meteorológicos que atingiram, sobretudo, a região Sul e Sudeste neste final de semana e na manhã de hoje". Por meio de nota afirma que fechamentos nos aeroportos de Ribeirão Preto (SP), Foz do Iguaçu (PR) e Confins (MG) fez com que a companhia precisasse remanejar a malha, gerando atrasos e cancelamentos em seus voos.

"A companhia vem trabalhando para normalizar a situação o mais breve possível. Nossas equipes nos aeroportos estão orientadas a prestar todas as informações e a assistência necessárias, em cumprimento às normas vigentes de atendimento aos passageiros para esse tipo de situação", diz nota. 

A TAM também apresenta atrasos acima do normalmente são registrados nesta segunda-feira. Foram 150 (24,7%) voos atrasados até as 17h dos 608 programados.

AE
Aeroporto de Congonhas por volta das 17h10

Aeroportos

Os aeroportos brasileiros registravam, por volta das 18h30, 349 (19%) voos atrasados dos 1835 programados em todo o País. Outros 75 (4.4%) foram cancelados.A pior situação é a do aeroporto de Confins, em Belo Horizonte (MG), onde 35.2% dos voos estão fora do horário. Outros 9 (10.2%) foram cancelados.

No Aeroporto Internacional de Guarulhos, em SP, 39 (27.7%) dos  voos atrasaram dos 141 agendados para decolar até as 16h. Seis (4.3%) foram cancelados. Em Congonhas, 28 (18.3%) voos tiveram atrasos e 16 (10.5%) foram cancelados.

No Rio de Janeiro, 17 (16.5%) dos 103 voos programados registraram atrasos e outros 13 (12.6%) foram cancelados. No Galeão apenas um foi cancelado, mas outros 18 (24%) voos tiveram atrasos.

Nevasca nos EUA

Parte dos atrasos e cancelamentos foram causados pela forte nevasca que prejudica as operações nos Estados Unidos.

A American Airlines informou que 171 voos - entre partidas e chegadas dos EUA - foram cancelados desde sábado. Segundo a Continental Airlines, o voo programado para decolar as 23 horas de Guarulhos não foi remarcado. A United Airlines afirmou que nenhuma partida foi afetada pelo mau tempo nos Estados Unidos.

A nevasca causou reflexos nas partidas e chegadas das aeronaves da companhia TAM. Quatro voos foram cancelados hoje, sendo um de Cumbica para Nova York e outros dois no sentido inverso, além de um com chegada prevista no Aeroporto Internacional do Rio de Janeiro/Galeão-Antonio Carlos Jobim.

Em nota, a empresa afirmou que "os demais voos da companhia de e para Nova York programados para a noite de hoje continuam confirmados até o momento, porém dependem da melhoria das condições meteorológicas". A TAM recomenda que os passageiros entrem em contato com a Central de Atendimento antes de se dirigirem ao aeroporto. Os números no Brasil são 4002-5700 (capitais) e 0800-570-5700 (demais localidades). Nos Estados Unidos, o telefone é 1 888 2FLYTAM.

    Leia tudo sobre: aeroportosvoosatrasoscancelamentos

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG