Os jornais Washington Post, Los Angeles Times e Chicago Tribune declararam nesta sexta-feira seu apoio ao candidato democrata, Barack Obama, na eleição presidencial dos Estados Unidos.

O jornal da capital americana afirma que o apoio não tem ambivalências e elogia a inteligência e capacidade política de Obama, ao mesmo tempo que critica o republicano John McCain e sua candidata à vice-presidência, Sarah Palin.

"A decisão é fácil em parte pela decepcionante campanha de McCain, sobretudo por sua irresponsável escolha de uma companheira de chapa que não está preparada para ser presidente", destaca o Post.

O editorial ressalta que o senador de Illinois é "um homem de fina inteligência, com uma capacidade para captar as nuanças de temas complexos e uma evidente habilidade para a conciliação e a construção de consensos".

"Obama tem o potencial de se tornar um grande presidente", prossegue o editorial, que no entanto manifesta inquietação por considerar a experiência de Obama limitada.

"Sim, temos reservas e preocupações, quase de maneira inevitável, dada a relativamente breve experiência de Obama na política nacional. Porém, também temos enormes esperanças".

O Washington Post acrescenta que a resposta de Obama em temas de política nacional, como a crescente crise econômica, mostram "um saudável respeito pelos mercados, com uma justificada consternação pela crescente desigualdade e uma compreensão da necessidade de uma regulamentação focalizada".

A respeito da política externa, "a melhor evidência sugere que ele vai manter a liderança e o compromisso dos Estados Unidos, continuará lutando contra o terrorismo e conduzirá uma vigorosa diplomacia em nome dos valores e interesses dos Estados Unidos".

O Los Angeles Times também apóia Obama, que "responde às necessidades de um dirigente que precisa ter sangue-frio".

"O Times apóia Barack Obama sem vacilar para a presidência (...) por ser culto, eloqüente, sóbrio, excitante, constante e maduro. Representa o país como é e como deve ser".

O jornal Chicago Tribune também manifestou seu respaldo a Obama: "É a primeira vez, desde 1847, que este jornal apóia um candidato democrata à presidência".

No editorial "Barack Obama presidente", o Tribune propõe: "Em 4 de novembro, vamos eleger um presidente para conduzir o país durante um período perigoso, e para restaurar uma fé comum em um objetivo nacional".

"O melhor candidato para realizar isto é Barack Obama e o Tribune está orgulhoso de apoiá-lo para a presidência dos Estados Unidos".

No total, quase 50 jornais e revistas já manifestaram seu apoio ao candidato democrata, contra apenas 16 para o republicano John McCain, segundo o sindicato de editores.

ksh/fp/LR

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.