A refinaria da Votorantim Metais em Cajamarquilla, no Peru, vai produzir 320 mil toneladas de zinco no próximo ano, após uma expansão da unidade, informou hoje o gerente comercial da companhia brasileira, Luís Eduardo Woolcott. A produção atual de zinco é de 160 mil toneladas ao ano e sua expansão terá um custo total de US$ 500 milhões.

Woolcoltt participa da Perumin, uma conferência internacional de mineração na cidade peruana de Arequipa.

Segundo ele, os concentrados de zinco originalmente destinados à fundição operada pela peruana Doe Run Peru, que está agora paralisada, provavelmente não serão processados pela refinaria de Cajamarquilla. "Acredito que eles serão exportados", disse Woolcoltt. As informações são da Dow Jones.

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.