Voo 447: pilotos da Air France ameaçam parar, diz jornal

Um sindicato de pilotos da Air France, o ALTER, ameaçou hoje declarar greve se a empresa não substituir os sensores de velocidade, também chamados de pitots, de todos os aviões Airbus 330 e 340 da frota. A informação partiu da edição online desta segunda-feira do diário francês Le Monde.

Agência Estado |

O sindicato é o terceiro maior representante de empregados da Air France. "Recusem-se todos a voar nos aviões A330/A340 até que os "pitots" sejam trocados", conclamou o sindicato ALTER.

O sindicato manifestou indignação porque a direção da Air France "não tomou a decisão de imobilizar (em terra) os A330 e A340 ainda não equipados com os novos modelos de sensores". Além disto, a entidade ressalta que a substituição total dos 'pitots" é prevista apenas para "as próximas semanas". Questionada pelo "Le Monde", a direção da Air France alegou que atualmente substitui os 'pitots' (três por avião) de 15 aeronaves A330 e 19 do modelo A340. Problemas nos sensores são indicados pelos investigadores como uma das possíveis causas do acidente com o A330 que fazia o voo 447 do Rio de Janeiro a Paris. O avião decolou no dia 31 de maio levando 228 pessoas a bordo e caiu no Oceano Atlântico.

    Leia tudo sobre: iG

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG