Voluntários das artes

Voluntários das artes Por Gilberto Amendola São Paulo, 07 (AE) - A melhor maneira de colocar certas mudanças em movimento é aproveitar o frescor de um início de ano. Se você é daqueles que faz listas com tudo aquilo que quer realizar em 2010, pode incluir nela um trabalho como voluntário de alguma instituição ligada às artes.

Agência Estado |

Tem muita gente precisando de ajuda - e talento parado (no caso, o seu) costuma enferrujar.

Em organizações bacanas, como a Operação Arco-Íris, Viva e Deixe Viver, Canto Cidadão e outras, você pode contar histórias em creches, ser clown em hospital, ensinar crianças de escola pública a tocar algum instrumento musical ou até dar uma força nos principais museus de São Paulo.

A coordenadora do Centro do Voluntariado de São Paulo, Silvia Maria Louzã Naccache, acredita que o desenvolvimento da cultura do voluntariado pode ajudar na construção de uma sociedade mais interessante. "Além de disseminar valores mais humanos, como solidariedade e compaixão, o voluntariado forma líderes capazes de construir famílias mais felizes, empresas mais saudáveis e comunidades mais solidárias."

Todo mundo com mais de 18 anos pode ser voluntário. É importante ressaltar que esse tipo de trabalho não é remunerado - nem traz nenhum vínculo trabalhista. Normalmente, um voluntário trabalha um ou dois dias por semana, com uma jornada de, no máximo, quatro horas.

Assim, a reportagem selecionou algumas entidades que procuram gente disposta a atuar em áreas culturais e artísticas. Além destas dicas, os interessados podem procurar o próprio Centro de Voluntariado, pelo telefone (11) 3266-5477 ou por meio do site www.voluntariado.org.br.

UMA BOA HISTÓRIA É UM SANTO REMÉDIO
O Viva e Deixe Viver trabalha na formação de contadores de histórias que atuam em hospitais. Os interessados não precisam ter experiência anterior, mas gostar de ler e ter disponibilidade para estudar livros infantis são pontos desejáveis. "Como se trata de um trabalho bastante delicado, nós tentamos treiná-los bem. Saber contar uma história é uma arte", fala a coordenadora da instituição, Andresa Cavalheiro. Existe apoio psicológico aos voluntários, que lidam com crianças com câncer.

SERVIÇO:
Associação Viva e Deixe Viver.

Email: voluntario@vivaedeixeviver.org.br
Site: www.vivaedeixeviver.org.br

DOUTORES-PALHAÇOS PARA PACIENTES ADULTOS
Mais uma entidade que atua com doutores-palhaços em hospitais. Neste caso, o foco vai para pacientes adultos. Mas, além disso, a Canto Cidadão também procura gente interessada em trabalhar em brinquedotecas (dentro de escolas, hospitais ou creches). O treinamento dos voluntários é feito em 12 encontros de três horas de duração, com aulas teóricas e práticas. Pessoas comunicativas, pacientes e com tempo para dividir com as crianças são sempre bem-vindas.

SERVIÇO:
Canto Cidadão.

E-mail: programa@cantocidadao.org.br
Site: www.cantocidadao.org.br

VOLUNTÁRIOS EM PROL DO MAM
No MAM (Museu de Arte Moderna de São Paulo), os voluntários atuam na área de atendimento e cadastro aos visitantes. Normalmente, os interessados em trabalhar no local são estudantes de arte - e que aproveitam a oportunidade para se aprofundarem no acervo da instituição. Atualmente, a coleção do MAM reúne mais de 5 mil peças, entre pintura, escultura, desenho, fotografia, vídeo, instalação e performance, produzidas por mais de mil artistas. O foco é a produção brasileira moderna e contemporânea.

SERVIÇO:
MAM - Museu de Arte Moderna de São Paulo.

Parque do Ibirapuera, portão 3, (11) 5085-1301
Email: sejasocio@mam.org.br
Site: www.mam.org.br

PARA GENTE QUE TOCA ALGUM INSTRUMENTO
Essa é a oportunidade para os músicos doarem um pouco de tempo e talento para quem quer se iniciar neste universo. A Clave do Sol precisa de voluntários para musicalização infantil, além de interessados em ensinar música clássica e popular, com especial atenção para os instrumentos de sopro. A entidade tem até uma orquestra. Para pessoas com talento não só ao tocar, mas ao ensinar.

SERVIÇO:
Clave de Sol.

Estrada das Palmeiras, 869, Grande SP , Parque Yara Cecy.

(11) 4667-7708
Site: www.clavedesol.org.br

AJUDE UM MUSEU A FICAR DE PÉ
Na Federação de Amigos de Museus do Brasil, o interessado vai arregaçar as mangas e ajudar a manter em pé essas instituições, sejam elas públicas ou particulares. O voluntário pode auxiliar na pintura de um museu que está precisando de uma mãozinha de tinha, colaborar no processamento de dados, ajudar no atendimento ao público (como guia), entre outras funções. A Feambra integra a Federação Mundial de Amigos de Museus (World Federation of Friends of Museums - WFFM).

SERVIÇO:
Federação Amigos de Museus do Brasil.

Email: feambra@feambra.org
Site: www.feambra.org.br

    Leia tudo sobre: iG

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG