Vítima de massacre em escola do Realengo passou por cirurgia

Jovem de 15 anos, que está entre as quatro vítimas internadas, foi operado na noite de sexta e está em observação

AE |

selo

Um dos quatro jovens que permanecem internados no Rio, vítima do massacre na Escola Municipal Tasso da Silveira, em Realengo, na zona oeste da cidade, foi submetido a uma cirurgia no abdômen na noite de sexta-feira, 15, e está em observação no Centro de Terapia Intensiva (CTI) pediátrico do Hospital Estadual Adão Pereira Nunes.

Segundo boletim divulgado neste sábado, 16, pela Secretaria de Estado de Saúde e Defesa Civil (Sesdec), um estudante de 13 anos, que está na mesma unidade, tem o quadro de saúde considerado estável e está em observação permanente no CTI. Uma outra vítima, de 14 anos, foi transferida ontem para a enfermaria do Hospital Estadual Alberto Torres, e aguarda alta médica. Um adolescente de 14, em estado regular, permanece no CTI do Hospital Estadual Albert Schweitzer.

Doze adolescentes morreram e outros 12 ficaram feridos, na manhã do último dia 7, após um ex-aluno da Escola Municipal Tasso da Silveira, Wellington Menezes de Oliveira, disparar contra os estudantes. Depois do ataque, ele se matou.

    Leia tudo sobre: escolatiroteiomassacre

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG