Jovem de 15 anos, que está entre as quatro vítimas internadas, foi operado na noite de sexta e está em observação

selo

Um dos quatro jovens que permanecem internados no Rio, vítima do massacre na Escola Municipal Tasso da Silveira, em Realengo, na zona oeste da cidade, foi submetido a uma cirurgia no abdômen na noite de sexta-feira, 15, e está em observação no Centro de Terapia Intensiva (CTI) pediátrico do Hospital Estadual Adão Pereira Nunes.

Segundo boletim divulgado neste sábado, 16, pela Secretaria de Estado de Saúde e Defesa Civil (Sesdec), um estudante de 13 anos, que está na mesma unidade, tem o quadro de saúde considerado estável e está em observação permanente no CTI. Uma outra vítima, de 14 anos, foi transferida ontem para a enfermaria do Hospital Estadual Alberto Torres, e aguarda alta médica. Um adolescente de 14, em estado regular, permanece no CTI do Hospital Estadual Albert Schweitzer.

Doze adolescentes morreram e outros 12 ficaram feridos, na manhã do último dia 7, após um ex-aluno da Escola Municipal Tasso da Silveira, Wellington Menezes de Oliveira, disparar contra os estudantes. Depois do ataque, ele se matou.

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.