O líder do PSDB no Senado, Arthur Virgílio (AM), cobrou hoje, logo no início da audiência pública na Comissão de Serviços de Infra-estrutura do Senado, que a ministra-chefe da Casa Civil, Dilma Rousseff, falasse sobre o caso do suposto dossiê com gastos do ex-presidente Fernando Henrique Cardoso e ministros da época. Oficialmente, a sessão estava destinada a debater o andamento das obras do Programa de Aceleração do Crescimento (PAC).

"A legitimidade da sessão passa por Vossa Excelência dizer o que sabe sobre o caso Dossiê", disse Virgílio.

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.