SÃO PAULO (Reuters) - O vice-presidente da República, José Alencar, deve receber alta nesta quarta-feira do Hospital Sírio-Libanês, onde foi internado no sábado com fortes dores abdominais. De acordo com boletim médico divulgado nesta quarta-feira, Alencar foi submetido a um tratamento de enterite, uma infecção no intestino.

O vice-presidente de 76 anos já estava em tratamento de quimioterapia em julho, quando foi descoberto um novo tumor na região abdominal.

Alencar luta contra o câncer desde 1997, quando seus primeiros tumores malignos foram detectados.

(Por Alice Assunção; Edição de Eduardo Simões)

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.