LONDRES ¿ Cerca de 35 peças do guarda-roupa da atriz Audrey Hepburn, entre elas o vestido de casamento que ela não usou após o cancelamento do casório com o britânico James Hanson, serão leiloadas em 8 de dezembro, em Londres.

A casa de leilões Kerry Taylor, em associação com a Sotheby's, venderá vestidos, cintos e outros acessórios usados pela atriz de 1953 até o fim dos passados anos 1960.

A Kerry Taylor espera arrecadar mais de 100 mil libras (110 mil euros) com o leilão, que terá metade de sua receita destinada ao programa All Children in School, que leva educação a 115 milhões de crianças do mundo todo e tem o apoio do Audrey Hepburn Children's Fund e do Fundo das Nações Unidas para a Infância (Unicef).

Além do vestido para o casamento que não aconteceu, encomendado às Fontana Sisters em 1952 enquanto a atriz filmava "Férias em Roma", com Gregory Peck, serão leiloadas criações de Valentino e de Hubert de Givenchy, o estilista favorito de Hepburn.

Uma das curiosidades em relação ao vestido de noiva, todo em marfim, é que a artista doou-o à italiana Amabile Altobella, que era pobre.

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.