Vereadores pedem CPI para investigar enchentes em São Paulo

A bancada do PT na Câmara de Vereadores de São Paulo protocolou nesta tarde o pedido de criação de uma Comissão Parlamentar de Inquérito (CPI) para investigar as causas das enchentes que atingem a capital desde o mês de dezembro. Segundo a assessoria de imprensa da liderança do partido, um segundo pedido de CPI será protocolado nesta quinta-feira.

Agência Estado |

O pedido protocolado hoje pede investigação sobre o assoreamento do Rio Tietê, que vem provocando inundações e prejuízos à população de vários bairros nas imediações do rio. A justificativa da liderança é de que mesmo com os grandes investimentos feitos para evitar essas enchentes, a redução expressiva nos gastos com a limpeza da calha do Tietê e também do Rio Pinheiros precisa ser questionada.

O segundo pedido de CPI, que deve ser protocolado apenas amanhã, é para averiguar a responsabilidade do poder público nos serviços de manutenção da cidade relativos à limpeza urbana de galerias e bueiros. Além disso, a oposição questiona o baixo investimento da atual administração nas ações de prevenção às enchentes no município.

Os pedidos de CPIs são assinados pelos vereadores José Ferreira e Antônio Donato, ambos do PT. Se instalada, a CPI terá 120 dias para investigar as denúncias. Os prazos podem ser prorrogados.

    Leia tudo sobre: enchente

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG