Vendedora realiza abaixo-assinado contra impunidade no País

SÃO PAULO - A vendedora e estudante de Filosofia e Farmácia, Lucineire Gomes Castilho, 43, realiza um abaixo-assinado contra a impunidade no Brasil. Ela chegou ao 9º Distrito Policial do Carandiru, onde Alexandre Nardoni e Anna Carolina Jatobá prestam depoimento nesta sexta-feira, por volta das 9h e disse que pretende ficar até a saída do casal.

Lecticia Maggi, repórter Último Segundo |

Lucineire contou que teve a idéia de começar a reunir assinatura quando foi assistir a missa de sétimo dia da morte de Isabella, que aconteceu na sexta-feira (4) e reuniu mais de 800 pessoas na Igreja da Nossa Senhora da Candelária, na Vila Maria, zona norte de São Paulo. Tenho 50 assinaturas agora, mas a minha meta é chegar a mil.

Segundo ela, a motivação aconteceu também em razão da violência do seu próprio bairro, Vila Maria Alta, na zona norte de São Paulo. Há cerca de três anos houve um tiroteio e sete crianças morreram. Não estou agüentando mais.

A vendedora afirmou que pretende reunir assinaturas no prazo de 15 dias. Após conseguir quer mandar o documento para o Ministério Público Federal. Quero que chegue à mão de Lula. Luto também pela pena de morte em casos assim.

NOTÍCIAS DO DIA SOBRE O CASO

VÍDEOS DO CASO ISABELLA

Laudos

Depoimentos

Prisão

Reprodução

Isabella em vídeo

OPINIÃO

    Leia tudo sobre: isabella

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG