¿Venci a crítica com minha sinceridade¿, diz Renato Aragão em Gramado

GRAMADO ¿ Um dos homenageados do 36º Festival de Cinema de Gramado, o ator Renato Aragão disse que acredita ter, finalmente, conquistado o reconhecimento da crítica. Ele relembrou a resistência inicial a seus filmes ao lado dos Trapalhões especialmente na década de 70. ¿No começo, apanhei muito da crítica. Ficava muito magoado, mas meu objetivo eram as crianças e a família¿, disse.

Fabio Prikladnicki |

Segundo ele, a segunda geração da crítica está ao seu lado. Acho que venci com a minha sinceridade e espontaneidade. Já me convidaram para fazer filmes de arte, mas sou um palhaço, quero fazer filmes ingênuos, simples. Ele contabiliza que mais de 130 milhões de pessoas já assistiram a suas produções.

O eterno Didi dos Trapalhões será agraciado, esta noite, com uma homenagem especial da cidade de Gramado. A premiação será justamente no dia dos pais, um presente a mais para o ator, que contracena com a filha, Livian Aragão, em seu mais recente filme, "O Guerreiro Didi e a Ninja Lili" (2008), assim como havia feito em seu filme anterior.

Ele também adiantou que seu próximo projeto cinematográfico deverá se chamar "Didi Babá e os 40 Ladrões", uma volta ao tema de um filme seu de 1972. Minha fórmula é sempre agradar às crianças, resumiu. 

Leia mais sobre o Festival de Gramado .

    Leia tudo sobre: festival de gramado

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG