Valentino vai decidir futuro da estilista Facchinetti na grife

MILÃO (Reuters Life!) - O grupo de moda Valentino vai esclarecer dentro de três ou quatro dias se a estilista Alessandra Facchinetti vai ou não permanecer na maison, disse nesta sexta-feira o executivo-chefe do grupo a um jornal italiano, respondendo às especulações sobre sua possível substituição. Facchinetti tomou o lugar do estilista fundador do grupo, Valentino Garavani, cujos vestidos longos estavam entre os favoritos de muitas estrelas de Hollywood, após a aposentadoria dele, em janeiro.

Reuters |

Ela deverá apresentar a coleção de prêt-à-porter primavera-verão 2009 da grife em Paris, nesta sexta.

'Não achamos elegante comentar rumores. Após o desfile, quando o trabalho de Alessandra estiver terminado, veremos', disse o executivo-chefe do grupo, Stefano Sassi, ao jornal Corriere della Sera desta sexta-feira.

'Vamos nos sentar juntos, todos os protagonistas. O dia certo para tomar decisões sobre isso não será na sexta-feira. Nós o faremos dentro de três ou quatro dias.'

Os jornais italianos reproduziram rumores segundo os quais Facchetti, ex-estilista da Gucci, pode estar prestes a deixar o grupo Valentino, comprado no ano passado pela empresa de participações acionárias Permira.

Em sua primeira coleção, exibida em fevereiro, a estilista, que está na casa dos 30 anos, se ateve ao estilo de Valentino, mostrando vestidos glamurosos de chiffon. Mas ela também pôs na passarela saias e terninhos a serem usados em situações de trabalho, mais que no tapete vermelho.

O grupo Valentino quer ampliar sua base de clientes, atraindo consumidores mais jovens.

    Leia tudo sobre: iG

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG