Vale, Xstrata e Rio disputam mina de US$2 bi na Mongólia--fontes

HONG KONG (Reuters) - A Vale, a Xstrata e a Rio Tinto estão entre as companhias que apresentaram propostas para desenvolver a mina de carvão de Tavan Tolgoi na Mongólia, avaliada em 2 bilhões de dólares, segundo duas fontes com acesso direto ao assunto. O governo da Mongólia contratou o Deutsche Bank e o JP Morgan para vender até 49 por cento de participação no depósito. A BHP Billiton e a gigante do carvão China Shenhua Energy também fizeram propostas, segundo as fontes.

Reuters |

A Tavan Tolgoi, normalmente chamada de o maior depósito de carvão para coqueificação não utilizado do mundo, tem reservas de 6,5 bilhões de toneladas e também está atraindo propostas de consórcios japoneses, russos e de empresas coreanas, disseram as fontes.

(Reportagem de Joseph Chaney e Michael Flaherty)

    Leia tudo sobre: iG

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG