Os bombeiros retiraram na manhã de hoje de um soterramento em Ribeirão Pires, na Grande São Paulo, o corpo da 54º vítima das chuvas em todo o Estado. Um deslizamento de terra atingiu uma casa no Jardim Santo Bertoldo, atingindo três pessoas.

O corpo de mulher, de 30 anos, foi retirado e dez equipes do Corpo de Bombeiros prosseguem na busca de duas meninas, uma de 14 e outra de 8 anos.

Ao menos três pessoas morreram soterradas hoje na Grande São Paulo por conta do temporal. De acordo com o último boletim divulgado pela Defesa Civil, o Estado tem 25 municípios em situação de emergência - reconhecimento de situação anormal, provocada por desastres, causando danos superáveis pela comunidade afetada - e dois em estado de calamidade pública - sérios danos à comunidade, inclusive à vida de seus habitantes -, Cunha e São Luiz do Paraitinga.

Mais de 17.300 pessoas estão desalojadas - as que podem contar com ajuda de vizinhos e familiares - e 3.750 estão desabrigados - as que perderam tudo e precisam dos abrigos públicos.

Túneis

Quatro túneis da capital paulista ficaram totalmente alagados e foram interditados por conta da chuva. De acordo com a Companhia de Engenharia de Tráfego (CET), por volta das 10h50 o Túnel Tribunal de Justiça continuava interditado em razão das inundações. Já o Ayrton Senna, o Max Feffer e o Anhangabaú foram liberados e os motoristas não enfrentavam alagamentos.

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.