Vaccari terá que depor em CPI das ONGs dia 13

O depoimento do tesoureiro do PT e ex-presidente da Cooperativa Habitacional dos Bancários de São Paulo (Bancoop), João Vaccari Neto, na CPI das ONGs, foi marcado para a próxima terça-feira, dia 13, às 10 horas, no Senado, informou hoje o presidente da comissão, senador Heráclito Fortes (DEM-PI). A ida de Vaccari à CPI foi aprovada por conta de um cochilo de governistas, no mês passado.

Agência Estado |

Vaccari é obrigado a comparecer, já que se trata de convocação e não convite. O depoimento dele havia sido inicialmente marcado para o dia 23 de março. À época, porém, ele pediu alteração da data, alegando que seu advogado, Pedro Dallari, estava em viagem aos Estados Unidos.

O tesoureiro petista é acusado pelo Ministério Público Paulista de desviar recursos da Bancoop para campanhas do PT, inclusive as do presidente Luiz Inácio Lula da Silva. No último dia 30, na condição de convidado, Vaccari esteve no Senado, onde falou por quatro horas na Comissão de Fiscalização e Controle. Na ocasião, porém, a oposição não ficou satisfeita com as explicações do tesoureiro.

Amanhã, a CPI das ONGs realiza sessão às 11 horas para escolher seu vice-presidente.

    Leia tudo sobre: iG

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG