Vaccarezza propõe reajuste escalonado para aposentados

BRASÍLIA (Reuters) - Com o objetivo de contornar o impasse sobre o tema no Congresso, o líder do governo na Câmara, deputado Cândido Vaccarezza (SP), anunciou nesta terça-feira uma proposta que prevê reajuste escalonado para aposentados que recebem acima de um salário mínimo. Vaccarezza levará a proposta aos líderes dos demais partidos na Câmara.

Reuters |

Pela sugestão, os valores de aposentadorias de um até três salários mínimos receberiam reajuste de 7,7 por cento, que atingiria 5,6 milhões de pessoas, de um total de 8,36 milhões.

Acima de três salários mínimos ficaria mantido o índice de 6,14 por cento já proposto pelo governo para todos os aposentados que recebem acima do mínimo.

O deputado pondera que a proposta depende de respaldo jurídico, uma vez que pode ser questionável um aumento por faixas.

A oposição e alguns partidos da base aliada pressionam por um reajuste de 7,7 por cento para todos os aposentados que recebem acima de um mínimo.

De acordo com o Ministério da Previdência, um aumento de 6,14 por cento, como o proposto pelo governo, tem impacto nas contas da União estimado em 6,7 bilhões de reais. Qualquer índice acima do proposto elevará os gastos da União.

(Reportagem de Carmen Munari)

    Leia tudo sobre: iG

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG