Uribe viaja ao Brasil em meio a debate sobre presença dos EUA

BRASÍLIA (Reuters) - O presidente colombiano, Álvaro Uribe, visitará o Brasil na quinta-feira para conversar com o presidente Luiz Inácio Lula da Silva sobre a tensa conjuntura política da América do Sul, informou fonte do governo brasileiro. Uribe desistiu de ir à reunião de cúpula da União das Nações Sul-Americanas (Unasul) a ser realizada no dia 10. No entanto, as chancelarias de Brasil e Colômbia entraram em contato e a visita de Uribe ao país foi definida nesta segunda-feira.

Reuters |

Um tema certamente constará da pauta da reunião: o aumento da presença militar dos Estados Unidos na Colômbia. Na semana passada, o presidente Lula disse ser contrário à instalação de nova base militar norte-americana no país vizinho.

A movimentação de Uribe acontece em meio a atritos entre a Colômbia, a Venezuela e o Equador, após autoridades colombianas terem apreendido com as Forças Armadas Revolucionárias da Colômbia (Farc) armas que a Suécia teria vendido a Caracas há décadas.

O presidente venezuelano, Hugo Chávez, nega que as armas tenham sido repassadas às Farc por seu governo. O incidente levou Chávez a congelar as relações com a Colômbia, um dos principais parceiros comerciais da Venezuela.

Outro caso gerou tensão entre Bogotá e Quito, quando foi divulgado um vídeo em que um dos líderes das Farc teria admitido o financiamento da campanha que levou Rafael Correa à Presidência do Equador. O grupo negou a autenticidade da fita.

(Reportagem de Fernando Exman)

    Leia tudo sobre: iG

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG