União da Ilha faz últimos retoques para desfile na Sapucaí

Rio de Janeiro, 5 fev (EFE).- Nem mesmo sua costumeira dor de coluna impediu que a carnavalesca Rosa Magalhães trabalhasse nos últimos retoques das alegorias que a União da Ilha apresentará na Sapucaí no domingo de Carnaval, no próxima dia 14.

EFE |

Com seis títulos de campeã da festa do Momo (um pelo Império Serrano e cinco pela Imperatriz), Rosa Magalhães não deixa de colocar a mão na massa. Durante a entrevista concedida à Agência Efe, a carnavalesca não deixou de trabalhar na confecção de um touro que será um dos destaques do desfile.

"Queria que esse touro ficasse com uma aparência de artesanato feito à mão. Não posso contar em que momento ele vai aparecer, mas posso adiantar que é uma alegoria muito importante para a nossa história", disse a carnavalesca.

A escola da Ilha do Governador terá 82 minutos para contar na avenida as histórias do protagonista da obra mais famosa do escritor espanhol Miguel de Cervantes. Para dar vida às inventadas batalhas de Dom Quixote, a escola levará para a Sapucaí cerca de 3,5 mil componentes divididos em sete carros-alegóricos e 35 alas.

Para a carnavalesca, a possibilidade de abordar temas que estão fora do contexto nacional permite que as escolas usem toda a sua criatividade.

"Antes tínhamos a orientação de falar somente sobre tradições brasileiras, mas agora podemos contar o que quiser. Quem ganha com isso é o público, que a cada Carnaval conhece uma história diferente," explicou.

Rosa considera o enredo "Dom Quixote de la Mancha, o Cavaleiro dos Sonhos Impossíveis" uma história de fácil compreensão na avenida. "O desfile será facilmente entendido pelo público presente no sambódromo, pois a obra de Cervantes é universal. Será um Carnaval divertido, com um personagem que se adapta bem ao espírito da festa", disse a carnavalesca.

Com os atores Eriberto Leão e Letícia Spiller como Dom Quixote e sua amada Dulcinea, a União da Ilha, escola que abre os desfiles na Marques de Sapucaí, prepara uma apresentação que a mantenha na elite do Carnaval carioca. Esse ano a escola reestreia no Grupo Especial.

EFE sf/mh

    Leia tudo sobre: iG

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG