Unesp decide usar nota do Enem em vestibular

A Universidade Estadual Paulista (Unesp) informou ontem que usará a nota do Exame Nacional do Ensino Médio (Enem) no seu vestibular deste ano. O desempenho dos candidatos na prova aplicada pelo governo federal poderá representar até 10% da média final da pontuação do aluno no vestibular.

Agência Estado |

A prova da primeira fase da Unesp ocorreu no domingo passado. A segunda fase está marcada para 20 e 21 de dezembro.

Das três universidades públicas estaduais de São Paulo, só a Unesp manteve o uso do Enem neste ano, seguindo o mesmo caminho das instituições federais. A Universidade de São Paulo (USP) e a Universidade Estadual de Campinas (Unicamp) desistiram do exame após o adiamento para o começo de dezembro, provocado pelo vazamento da prova. Inicialmente, o Enem seria aplicado em 3 e 4 de outubro.

Segundo a Fundação Vunesp, responsável pelo vestibular da Unesp, o Instituto Nacional de Estudos e Pesquisa (Inep), órgão vinculado ao Ministério da Educação (MEC) e responsável pelo Enem, comprometeu-se a entregar as notas dos alunos até o dia 20 de janeiro. Para a Unesp, haverá "tempo hábil para processamento do resultado final".

"A Unesp sempre manteve a decisão de utilizar o Enem porque acha o exame importante. Só havia questões técnicas a serem resolvidas", afirma Tânia Cristina Azevedo, diretora da Vunesp. Por conta do calendário apertado, a checagem com o Inep dos dados pessoais dos 28 mil estudantes que serão convocados para a segunda fase será antecipada de janeiro para dezembro. As informações são do jornal O Estado de S. Paulo .

    Leia tudo sobre: iG

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG