Um vídeo de Glauber Rocha sobre Sarney e uma paródia atual

Aclamado nos braços do povo, José Sarney tomou posse como governador recém-eleito pelo estado do Maranhão em 1966. Nascia naquele instante um oligarca brasileiro, ligado na ocasião à antiga União Democrática Nacional (UDN). Era o primeiro passo de muitos outros na vida pública. O momento é documentado com preciosismo no curta-metragem, Maranhão 66, dirigido pelo cineasta Glauber Rocha, que retrata a posse e o surgimento do cacique maranhense na política.

Congresso em Foco |

Passados mais de 40 anos, o nome Sarney ainda inspira os amantes do vídeo. Uma produção amadora humorística e crítica ao presidente do Senado tenta imaginar como seria uma eventual renúncia do político. O vídeo foi publicado no site Youtube na última quarta-feira (1º). Trata-se de uma nova paródia sobre o filme A queda, as últimas horas de Hitler, em que as legendas foram colocadas na intenção de comparar Sarney com o ditador alemão da Segunda Guerra Mundial.

Assista aos vídeos e leia a reportagem na íntegra no Congresso em Foco

    Leia tudo sobre: sarney

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG