SÃO PAULO - A Polícia Civil de São Paulo pediu, nesta terça-feira, mais tempo para apurar o desabamento do teto da Igreja Renascer. Há um mês, nove pessoas morreram quando o teto caiu sobre os fiéis.

O delegado Dejar Gomes Neto encaminhou o pedido de mais tempo à Justiça, segundo a Secretaria de Segurança Pública (SSP). Já foram ouvidas 80 pessoas, mas os depoimentos devem continuar.

Ainda de acordo com a SSP, nenhum laudo foi concluído ainda.

Leia também:

Leia mais sobre: desabamento da Renascer

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.