Um ano de Lei Seca evitou 1 morte e 96 feridos ao dia em SP, diz Serra

SÃO PAULO - Em um ano de Lei Seca, a ser completado em 20 de junho, foram evitados 1 morte e 96 casos de feridos por dia no trânsito do estado de São Paulo. Esse balanço preliminar foi divulgado hoje pelo governador José Serra.

Valor Online |

Segundo o levantamento da Secretaria da Segurança Pública, de julho de 2008 até abril de 2009, foi registrado um declínio de 23,2% no número de feridos em acidentes de trânsito, enquanto o número de mortos caiu 7% frente ao período que vai de julho de 2007 até abril de 2008.

Serra garantiu que não houve enfraquecimento da fiscalização na cidade de São Paulo, frente ao início das operações policiais do ano passado. De acordo com o balanço da Polícia Militar, nos seis meses iniciais de vigência da lei foram autuados 892 motoristas por direção sob efeito de álcool na cidade. Nos seis meses seguintes, esse número cresceu 50,5%, totalizando 1343 autuações. Nessa mesma comparação, o número de prisões teve incremento de 17,3%, para 285.

Nos seis meses mais recentes de vigência da lei, 40,2 mil pessoas foram abordadas pela polícia na cidade, o que representa ampliação de 19,6% ante o semestre inicial. Segundo Serra, a " eficiência da lei " se reflete nos dados do último feriado prolongado, de Corpus Christi. " Houve 20% menos acidentes no estado de São Paulo e 36% menos feridos (frente ao mesmo feriado do ano passado) " , disse o governador, destacando que o resultado é fruto da cooperação entre a prefeitura paulistana e o estado.

Serra participou hoje de evento no qual a prefeitura e o governo do estado entregaram 75 viaturas à Secretaria da Segurança Pública para o policiamento do trânsito de São Paulo.

(Vanessa Dezem | Valor Online)

    Leia tudo sobre: iG

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG