SÃO PAULO - Diego Mendes Oliveira, de 26 anos, morador de Santo André, em São Paulo, morreu nesta sexta-feira à noite a bordo do transatlântico Soberano, da CVC.

O navio aportou no terminal de passageiros do Porto de Santos neste sábado pela manhã.

Diego passou mal após o jantar e, em estado febril, foi atendido pelo médico, ainda a bordo do navio. Ele morreu por insuficiência respiratória.

O turista estava com a família no cruzeiro que partiu de Santos no último sábado e percorreu o litoral brasileiro até a Bahia.

Empresa divulga nota

A assessoria de imprensa da CVC divulgou hoje uma nota de esclarecimento sobre a morte de Diego Mendes de Oliveira, 26 anos, a bordo do transatlântico Soberano, fretado pela CVC, que chegou hoje ao Porto de Santos depois de fazer um cruzeiro pelo litoral baiano.

De acordo com a CVC, Diego passou mal na quinta-feira e foi atendido pelo serviço médico da embarcação.

Ontem, seu estado piorou e ele acabou morrendo de insuficiência respiratória. Diego chegou a passar três vezes pelo serviço médico do navio. Ele teria consumido ostras durante uma parada em Salvador.

O navio transportava 2.300 passageiros e, de acordo com a CVC, nenhum outro apresentou sinais de intoxicação alimentar.

Leia mais sobre: navio

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.