O turista Thiago Nogueira de Souza foi morto na noite de ontem no município paulista de Mongaguá, na Baixada Santista, ao reagir a uma tentativa de assalto, provavelmente praticado por dois menores de idade, no bairro Jussara. Souza era mineiro, mas morava em São Paulo, onde trabalhava como chefe de cozinha.

Os suspeitos ainda não foram encontrados pela polícia.

De acordo com o Boletim de Ocorrência registrado na Delegacia Sede da cidade, Souza, de 26 anos, e sua namorada Carla Beatriz Santos Valle, de 41, tinham acabado de descer de uma lotação quando foram surpreendidos por dois jovens em duas bicicletas que anunciaram o assalto. A vítima reagiu e começou a lutar com um dos suspeitos. O outro menor, então, efetuou dois disparos. Ele errou o primeiro, mas acertou o segundo tiro na cabeça do turista, que morreu no local. Os dois fugiram a pé.
De acordo com Carla, os assaltantes aparentavam ter 11 e 14 anos. Ela não os reconheceu pelas fotografias da delegacia. O delegado titular João José Peres Neves afirmou que os donos das bicicletas já foram identificados e que os assaltantes deverão ser presos nas próximas horas. "A gente pede para não reagir, entregar o que for pedido e depois se dirigir à delegacia", disse ele, afirmando ainda que os menores de idade não têm estabilidade emocional e muitas vezes estão sob o efeito de drogas. "É ai que tragédias como essa acontecem."

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.