Tucanos manifestam apoio a Yeda em fórum do PSDB

O 1º Fórum de Mulheres do PSDB, realizado hoje em Brasília, serviu de palco para apoio de dirigentes tucanos à governadora do Rio Grande do Sul, Yeda Crusius, que enfrenta a oposição ferrenha do PT em seu Estado e vem respondendo a uma série de acusações de corrupção. Ao responder a uma pergunta sobre as pesquisas de opinião em que a administração da governadora aparece com baixos índices de aprovação, o presidente nacional do PSDB, senador Sérgio Guerra (PE), afirmou que Yeda faz um governo sério e competente em que a questão administrativa está sendo resolvida como nunca.

Agência Estado |

Guerra responsabilizou os adversários políticos da governadora tucana pela crise. "A política no Rio Grande do Sul é que é a grande crise, e não a administração", disse o presidente tucano, ao destacar que a corrupção lá "é mínima" e está sendo investigada. "Não é fácil governar tendo contra ela a maior oposição de todos os tempos, a pior oposição do mundo. Até a polícia russa opera lá", acusou Guerra.

Na mesma linha, o governador de Minas Gerais, Aécio Neves, afirmou que o Rio Grande do Sul vive "um clima conflagrado". "Quem conhece a governadora como eu conheço, quem acompanhou a sua trajetória política sabe que Yeda é uma mulher de bem. Se tem problemas no seu governo, deve buscar saná-los. Mas acho que hoje ela é vítima de uma radicalização exagerada da política gaúcha."

    Leia tudo sobre: iG

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG