O presidente do PSDB paulista, deputado federal Antonio Carlos Mendes Thame, afirmou hoje que a legenda está concentrada atualmente em formar a chapa dos candidatos que disputarão um mandato na Câmara dos Deputados nas eleições do ano que vem. Segundo ele, a sigla está buscando nomes de fora que possam agregar valor ao quadro do partido no Estado.

"Estamos no esforço de buscar novos filiados, mas de pessoas que não tenham mandato em outro partido, por respeito à legislação", destacou Thame.

Além da busca de novos nomes que possam engrossar o time dos candidatos que irão disputar as vagas de deputado federal em 2010, Mendes Thame mandou um recado aos adversários: "Se uma outra legenda tirar alguém do PSDB que tenha mandato, o partido vai cobrar esse mandato na Justiça, isso é respeito à fidelidade partidária, o mandato é do partido."

Apesar de o presidente da legenda não citar o nome de nenhum quadro tucano que poderia deixar a sigla, nos bastidores circulam informações de que o vereador mais votado na Capital nessas eleições, Gabriel Chalita (PSDB), está sendo cortejado pelo PV para disputar uma vaga ao Senado no ano que vem.

Na avaliação de Mendes Thame, as eleições para a Câmara devem se pautar mais pelas qualidades do próprio candidato do que pelos cabos eleitorais. "Terá mais chance de ser eleito o candidato que já conquistou a confiança da população", diz ele, destacando que isso deverá ocorrer em função da crise que assolou o Congresso Nacional.

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.