Cerca de 20 mil moradores da região da Rua do Oratório, na Mooca, zona leste de São Paulo, estão sem água desde a manhã de ontem por conta do rompimento de uma tubulação. De acordo com a Companhia de Saneamento Básico do Estado de São Paulo (Sabesp), a equipe operacional está desde ontem trabalhando no local, porém a rede de água, de 900 milímetros, está a cinco metros de profundidade, o que dificulta os reparos.

Cerca de 20 mil moradores da região da Rua do Oratório, na Mooca, zona leste de São Paulo, estão sem água desde a manhã de ontem por conta do rompimento de uma tubulação. De acordo com a Companhia de Saneamento Básico do Estado de São Paulo (Sabesp), a equipe operacional está desde ontem trabalhando no local, porém a rede de água, de 900 milímetros, está a cinco metros de profundidade, o que dificulta os reparos.

Na tarde de hoje a equipe retirava a tubulação quebrada. O término dos trabalhos está previsto para esta noite. O problema também abriu uma cratera na rua, onde o trânsito flui em meia pista nesta tarde.

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.