TSE vai trocar mais de 2 mil urnas no Pará

O Estado do Pará receberá para o segundo turno das eleições, no dia 26 de outubro, 2.520 urnas eletrônicas modelos 2006 e 2008, para substituir as urnas do modelo de 1998, que apresentaram algumas incompatibilidades com o sistema operacional utilizado neste ano no Estado.

Agência Estado |

A decisão foi divulgada pelo presidente do Tribunal Superior Eleitoral (TSE), Carlos Ayres Britto, durante encontro hoje em Brasília entre os presidentes dos Tribunais Regionais Eleitorais dos 15 Estados em que haverá segundo turno das eleições municipais.

O ministro Ayres Britto afirmou que, no primeiro turno, o maior problema com quebra de urnas ocorreu no Pará e lembrou que a substituição dessas urnas já foi providenciada para o segundo turno. Todas começaram a ser testadas ontem. Ayres Britto também fez um balanço das ocorrências no pleito do dia 5 de outubro. Segundo ele, ao todo, foram registradas 4.787 irregularidades. As principais foram boca-de-urna, com 2.154 casos, além de transporte ilegal de eleitores e propaganda irregular. Foram presos 214 candidatos e 1.624 eleitores. Os incidentes de boca-de-urna levaram à prisão 123 candidatos e 855 eleitores.

    Leia tudo sobre: iG

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG