Os brasileiros não poderão mais pagar multas de caráter eleitoral em lotéricas ou caixas de supermercado. O Tribunal Superior Eleitoral (TSE) informou hoje que a partir de agora as multas eleitorais somente deverão ser pagas em instituições bancárias.

A mudança foi determinada pelo Tesouro Nacional, que publicou instrução normativa na edição de hoje do "Diário Oficial". De acordo com a medida, multas de até R$ 50 deverão ser pagas no Banco do Brasil (BB). A partir desse valor, poderão ser quitadas em qualquer agência bancária.

A iniciativa normatiza o recebimento das multas no País, antes estipulado por recomendação.

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.