Pesquisa com 2 mil eleitores realizada em novembro pelo Instituto Nexus, contratada pelo Tribunal Superior Eleitoral (TSE), detectou que 13% dos entrevistados afirmam que não tem importância ou tem pouco importância saber se o candidato comprou voto ou tem ficha limpa. Para 14%, não é importante ou é pouco importante saber se o político usou caixa dois na campanha.

Também há uma certa falta de interesse em conhecer o passado dos candidatos. Vinte por cento dos ouvidos não pesquisaram sobre o passado dos políticos. Trinta por cento pesquisaram e 51% disseram que não pesquisaram porque já conheciam os candidatos. Segundo o TSE, os eleitores que mais pesquisaram sobre o passado dos candidatos foram os da região Norte, com menos de 49 anos, escolaridade superior e pertencentes às classes A e B.

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.