TSE adia julgamento sobre cassação de Jackson Lago

O julgamento do recurso que pede a cassação dos mandatos do governador do Maranhão, Jackson Lago (PDT), e de seu vice, Luiz Carlos Porto, foi mais uma vez adiado pelo Tribunal Superior Eleitoral (TSE). O recurso estava na pauta da sessão de hoje, mas não será julgado porque o ministro Fernando Gonçalves passou mal e alegou não ter condições de comparecer à sessão.

Agência Estado |

O TSE decidiu adiar o julgamento para a próxima sessão, que ainda não tem data marcada.

Gonçalves disse que fazia questão de participar do julgamento, pois estudou o caso e já tinha o seu voto. O processo movido pela coligação "Maranhão a Força do Povo", que apoiou a candidata Roseana Sarney (PMDB), acusa o governador Jackson Lago e seu vice de cometerem abuso de poder econômico e compra de votos durante a campanha eleitoral de 2006.

    Leia tudo sobre: iG

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG