TRT aceita suspender multa se greve terminar em BH

O Tribunal Regional do Trabalho (TRT) concordou em suspender a multa de R$ 300 mil por dia e devolver os R$ 2 milhões que já foram bloqueados em contas de sindicatos dos rodoviários da região metropolitana de Belo Horizonte caso a categoria encerre a greve iniciada ontem. Mas não há garantia de que o movimento grevista seja suspenso.

Agência Estado |

A proposta seria levada pelos sindicalistas para uma nova reunião com a categoria, durante a noite de hoje.

Embora a Justiça tenha determinado a suspensão da greve dos rodoviários na noite de segunda-feira, o transporte coletivo não foi regularizado. A estimativa é de que 600 mil usuários tenham sido prejudicados no dia de hoje.

Mais de 200 ônibus foram depredados no primeiro dia da greve da categoria que reivindica reajuste de 37% nos salários, jornada de 6 horas, e retorno dos cobradores nas linhas em que a função passou a ser exercida pelo motorista. Para as empresas, a reivindicação é abusiva. A proposta patronal é para 4,35%. Uma nova audiência de conciliação está marcada para sexta-feira.

    Leia tudo sobre: iG

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG