Tribunal de Contas do Ceará absolve Cid no caso da carona à sogra

FORTALEZA - O Tribunal de Contas do Estado (TCE) absolveu nesta terça-feira, por quatro votos a três, o governador do Ceará, Cid Gomes (PSB), no caso da viagem em jatinho fretado para cinco países europeus (Inglaterra, Alemanha, Escócia, Espanha e Irlanda), no Carnaval passado. Na viagem, o governador levou de carona a sogra, Pauline Carol Habbib Moura. Coube ao presidente do TCE, conselheiro Pedro Timbó, desempatar a votação em favor de Cid. Ele era acusado de uso indevido da máquina administrativa.

Agência Nordeste |

O TCE entendeu que a carona para a sogra não causou prejuízo para o erário público, uma vez que o aluguel do jatinho por 10 dias de viagem não foi alterado (R$ 388,5 mil). No julgamento, foi acatada sugestão do conselheiro Suetônio Mota, em abrir processos paralelos para investigar a concessão de diárias e de verba de suprimento do Governo do Estado.

Leia mais sobre: Cid Gomes

    Leia tudo sobre: ceará

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG