TRF-3 nega pedido de habeas-corpus de Marcos Valério

SÃO PAULO - O Tribunal Regional Federal da 3ª Região (TRF-3), que abrange São Paulo e Mato Grosso do Sul, negou o pedido de habeas-corpus contra a prisão preventiva do empresário Marcos Valério, detido durante a Operação Avalanche e uma das principais figuras no escândalo do mensalão.

Agência Estado |

De acordo com a assessoria de imprensa do TRF-3, o pedido impetrado em favor do empresário foi negado pelo desembargador Luiz Stefanini.

Valério está preso na cadeia de Tremembé, no interior paulista, onde também estão Alexandre Nardoni, acusado pela morte da filha Isabella, e Lindemberg Alves, acusado da morte da ex-namorada Eloá Cristina Pimentel.

Na última semana, a Justiça Federal informou que acatou a denúncia feita pelo Ministério Público Federal (MPF) contra quatro dos presos na operação. São eles o policial federal Francisco Pellicel Júnior, o investigador da Polícia Civil paulista Edisom Alves Cruz e os empresários Afonso José Penteado Aguiar e Eduardo Roberto Peixoto.

A Operação Avalanche foi deflagrada pela polícia em 8 de outubro, quando nove prisões temporárias e oito preventivas foram decretadas, entre elas a de Valério, réu no caso do mensalão.

As investigações tiveram início em 2007, para avaliar inicialmente a apropriação indevida de dinheiro apreendido durante operação de fechamento de bingos e que culminou com a descoberta de diversos outros crimes.

Leia mais sobre: Marcos Valério

    Leia tudo sobre: marcos valério

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG