TRE-SP cassa vereador de Bariri por infidelidade

O Tribunal Regional Eleitoral de São Paulo (TRE-SP) decretou hoje a perda de cargo do vereador Luís Gonzaga Febraro, por infidelidade partidária. Eleito em de Bariri pelo PSDB, ele migrou para o PV.

Agência Estado |

Para os juízes, o político trocou de legenda sem motivo que justificasse sua saída do PSDB.

Febraro ainda pode recorrer ao Tribunal Superior Eleitoral (TSE). Na mesma sessão, a Corte anulou o julgamento que cassou o mandato do vereador Carlos Augusto de Castro (PSDB), de Caieiras, para a realização de nova instrução processual. Ao todo, chega a 42 o total de "infiéis" cassados pelo TRE com base no entendimento do TSE de que o mandato pertence ao partido e não ao político.

    Leia tudo sobre: iG

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG