TRE-SP cassa 5 vereadores por infidelidade partidária

O Tribunal Regional Eleitoral de São Paulo (TRE-SP) decretou, por infidelidade partidária, a perda dos mandatos de cinco vereadores dos municípios de Cedral, Araçoiaba da Serra, Borborema, Caieiras e Dolcinópolis. Das decisões, cabem recursos ao Tribunal Superior Eleitoral (TSE).

Agência Estado |

Os parlamentares que perderam os mandatos foram Maria de Fátima Barbosa Bordin (PR de Cedral), em pedido feito pelo PT; Rui Leôncio de Sá (PTB de Araçoiaba da Serra), em demanda do PMDB; Rodney Ribeiro do Valle (PSDB de Borborema), a pedido do suplente Ivan Sérgio Cânfora (PT); Carlos Augusto de Castro (PSDB de Caieiras), pleiteado pelo PP; e Claudir Brussolo (DEM de Dolcinópolis) a pedido do PT.

Os vereadores cassados trocaram de partido depois de 27 de março de 2007, ultrapassando a data-limite fixada pela resolução do TSE. Em todos os casos, os juízes do TRE paulista entenderam que não houve justa causa para desfiliação partidária e o parecer do Ministério Público Eleitoral havia sido pela procedência dos pedidos.

    Leia tudo sobre: iG

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG