Três policiais são denunciados por morte de morador de rua em AL

Segundo o procurador-geral de Justiça de Alagoas, os policiais foram identificados após uma investigação do MPE

AE |

selo

O Ministério Público Estadual (MPE) denunciou hoje à Justiça três policiais civis acusados de envolvimento no assassinato de um morador de rua, morto este ano, no bairro do Farol, em Maceió. Segundo o procurador-geral de Justiça de Alagoas, Sérgio Jucá, os policiais foram identificados após uma investigação efetuada pelo MPE, para auxiliar o inquérito da Polícia Civil, responsável pela elucidação dos 31 casos de homicídio contra moradores de rua na capital alagoana.

Foram denunciados os agentes da Polícia Civil Luiz Carlos Albuquerque, Gerson Barros Pituba e João Alves dos Santos. Segundo o procurador, os nomes já estão à disposição da Justiça, que deve decidir se as provas colhidas pelo Grupo Estadual de Combate às Organizações Criminosas (Gecoc) servirão de base para detenção dos denunciados. Os policiais ainda não foram ouvidos sobre as acusações e não há informação sobre se continuam trabalhando ou se foram afastados dos serviços.

De acordo com Jucá, o MPE começou a fazer uma investigação paralela diante do clima de impunidade e do clamor da sociedade, indignada com essa situação. "Foi uma investigação paralela ao trabalho da Polícia Civil, que vem apurando os demais casos. Começamos a investigar e terminamos avançando bastante, até oferecer os nomes desses suspeitos", explicou o procurador. "Nosso interesse não é polemizar a questão, mas apurar os fatos e punir os responsáveis", complementou.

    Leia tudo sobre: morador de rua

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG