Três mil docentes tiram zero em prova em SP

Centro da disputa na Justiça que adiou de 11 para 16 de fevereiro a volta às aulas dos 5 milhões de alunos da rede estadual de ensino, a prova dos professores temporários teve cerca de 3 mil docentes que não acertaram uma só questão. O exame foi feito no dia 17 de dezembro.

Agência Estado |

A informação foi obtida pela reportagem com um profissional da educação que tem acesso aos resultados do teste. O sindicato dos professores (Apeoesp), admite que houve um grande número de docentes que constaram como ausentes ou zeraram na prova. Mas a entidade atribui o fato a falhas na organização do teste. Para a Apeoesp, a Secretaria de Estado da Educação teria perdido arquivos do exame.

O governo não divulga os resultados do exame e se limitou a informar que é “possível” tirar nota zero no exame, desde que o professor erre as 25 questões. Segundo a pasta, 214 mil professores temporários foram inscritos para a prova e 15 mil não compareceram. As informações são do jornal O Estado de S. Paulo.

    Leia tudo sobre: iG

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG