terremoto de 5.2 graus na escala Richter foi detectado na costa brasileira, a 215 quilômetros de São Vicente, litoral sul de São Paulo, de acordo com o site de monitoramento de terremotos dos Estados Unidos, o US Geological Survey. O tremor teve reflexos em 20 cidades paulistas e em pelo menos quatro outros Estados - Minas, Rio, Paraná e Santa Catarina, por volta das 21h05, desta terça-feira, 22." / terremoto de 5.2 graus na escala Richter foi detectado na costa brasileira, a 215 quilômetros de São Vicente, litoral sul de São Paulo, de acordo com o site de monitoramento de terremotos dos Estados Unidos, o US Geological Survey. O tremor teve reflexos em 20 cidades paulistas e em pelo menos quatro outros Estados - Minas, Rio, Paraná e Santa Catarina, por volta das 21h05, desta terça-feira, 22." /

Tremor no litoral de São Paulo atinge cinco Estados

SÃO PAULO - Um http://www.apolo11.com/terremotos.php target=_blankterremoto de 5.2 graus na escala Richter foi detectado na costa brasileira, a 215 quilômetros de São Vicente, litoral sul de São Paulo, de acordo com o site de monitoramento de terremotos dos Estados Unidos, o US Geological Survey. O tremor teve reflexos em 20 cidades paulistas e em pelo menos quatro outros Estados - Minas, Rio, Paraná e Santa Catarina, por volta das 21h05, desta terça-feira, 22.

Redação com Agência Estado |

De acordo com o professor do Observatório de Sismologia da Universidade de Brasília (UnB), Jorge Sand França, o fenômeno durou três segundos. França afirmou que a ocorrência não foi inédita, embora tenha sido a primeira registrada este ano. Além da capital do Estado, moradores da região do ABC paulista e da Baixada Santista informaram ter sentido os tremores.


Terremoto teve epicentro no Oceano Atlântico

Segundo o sismólogo Afonso Vasconcelos, o epicentro do tremor possui um raio de 300km. As cidades mais atingidas, de acordo com ele, foram Guarujá, Santos, Praia Grande e Ilhabela. "É um tremor moderado, porém a magnitude ainda precisa ser confirmada", diz. O sismólogo ainda afirmou que não existe perigo de tsunami já que as condições geológicas do Brasil não favorecem esse fenômeno.

Medições feitas no observatório sismológico de Brasília mostram que, nos últimos dez anos, mais de 5 mil abalos foram registrados no País, sendo 400 deles com magnitude igual ou superior a 3 graus na escala Richter. O maior terremoto que já aconteceu no Estado de São Paulo atingiu 5,1 graus na escala Richter em 27 de janeiro de 1922, na cidade de Mogi-Guaçu. O terremoto mais forte registrado no País atingiu 6,2 graus na escala Richter - o evento ocorreu em 1955 em Porto dos Gaúchos (MT).

O tremor foi registrado em uma região incomum, onde não há falhas geológicas ou bordas de placas tectônicas que poderiam ter provocado o abalo. Segundo o geofísico Rafael Abreu, do Serviço Geológico dos Estados Unidos (USGS), nunca houve um terremoto registrado num raio de 500 quilômetros do epicentro - pelo menos desde 1973, quando o serviço americano começou a catalogar esse tipo de evento ao redor do mundo. Quando vi o registro não acreditei, contou Abreu.

O Corpo de Bombeiros confirma o tremor, porém as causas ainda são desconhecidas. Até o momento, não há registro de pessoas feridas ou de abalos em construções.

A Defesa Civil do Rio de Janeiro foi acionada, nesta noite, pelos bairros de Jacarepaguá, Vila da Penha e Del Castilho. informando terem sentido tremores de terra por volta das 21h. Equipes de engenheiros e técnicos do órgão estão se deslocando para esses locais a fim de verificar se houve abalos estruturais em construções.

Sentiu o tremor? Mande sua história para o Último Segundo . Em cerca de uma hora foram recebidos mais de 1400 e-mails dos internautas contando o que sentiram.

Veja alguns relatos abaixo:

"Olá, queria informar a vocês que aqui em Antonina, litoral do Paraná , eu tb senti o tremor por uns 10 segundos", Marian Silva.

"Estava em Angra dos Reis ( litoral do Rio de Janeiro), por volta das 21h, quando senti tremor estranho no chão. Os copos tremeram e achei que fosse um caminhão passando na rua. Quando entrei nos sites de notícias, vi o tamanho do acontecimento", conta Robson Jazzigner.

"Estou em Balneário Camboriú  (Santa Catarina) e senti um tremor aqui há pouco tempo atrás, muito provavelmente um pouco depois das 21:00.Durou cerca de 10 segundos. (foi de beixa intensidade mas foi claramente percebido)", diz André Persuhn.

"Após tudo tremer aqui em Ubatuba (litoral de São Paulo), às 21h, o mar agitou!!! Entre 21h e 22h, as ondas cobriram a praia e ficaram barulhentas. Pequeno tsunami?", relata Sérgio.

"Senti o tremor de terra em Peruíbe , que durou por volta de 3 segundos.Estava assistindo TV e senti a cama balançar, olhei para o vidro da estante que também balançava. Os Vizinhos saíram na rua e também relataram o ocorrido", conta Maurício R. Caliman.

"Moro na 9 de Julho (zona sul de São Paulo ), no décimo andar de um prédio. Senti minha cadeira sacudir e o prédio balançar, achei que estivesse ficando louco. Quando pensei em sair correndo o tremor parou e como não vi nenhuma notícia em lugar nenhum fui dormir. Foi a pior sensação da minha vida", diz Rafael Kent.

"Eu e minha esposa estávamos vendo tv na cama, quando sentimos balançar. Nisto assustamos e saímos para o quintal, quando meu sogro também relatou o mesmo. Logo os vizinhos estavam nos ligando para saber o mesmo.Minha mãe que mora na Brasilândia também sentiu o tremor", conta Luiz Sobral, que mora no bairro do Limão , em São Paulo .

"Moro em Osasco , divisa com carapicuiba, em um predio de 4 andares, posso afirmar que tremor durou 3 segundos", diz Leandro Barletta.

"Me chamo Paulo Ferrari, sou administrador de empresas e moro na Vila Rosália em Guarulhos , senti por volta das 21:00hs um tremor em minha casa, sento o monitor do computador balançar por 3 vezes em 15 segundos, até pensei que fosse algo na estrurura da minha casa. depois na tv já deram a informação do tremor."

"Por volta das 21h05, minha esposa sentiu o tremor da terra. Ela estava deitada quando percebeu um forte tremor e me chamou no escritorio. Moramos próximo ao Shopping Anália Franco - Tatuapé . Colegas relatam o memso caso na Vila Ema, Alto da Mooca.", diz Reginaldo Santos.

"Eu estava sentado em minha cama e senti a perna tremer, por uns cinco segundos. Até pedi para minha esposa ver se tinha alguém embaixo da cama", diz Sério Marasco, do Ipiranga , São Paulo .

"Eu estava estudando em uma sala do bloco A do Instituto de Matemática e Estatística da USP, no  Butantã , quando senti a cadeira balançar por uns 10 segundos. Saí no corredor e encontrei um professor que disse que a cadeira dele estava saindo do lugar. Não tivemos dúvidas em sair correndo de lá. Estávamos no segundo andar prédio e quem estava no térreo não sentiu nada",  conta Giselle Bertaggia.

*Com reportagem de Daniel Torres, Leandro Meireles, Leandro Beguoci, Luciana Araújo, Luciana Fracchetta e Silvia Melo

Leia mais sobre: tremor

    Leia tudo sobre: terremototremor

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG