O comandante da Defesa Civil do Estado do Rio, coronel Djalma Souza Filho, afirmou hoje que o tremor de 5,2 graus na Escala Richter, a 215 quilômetros da Baixada Santista (SP), não causou danos no Rio. Segundo Souza Filho, o Corpo de Bombeiros recebeu 115 chamadas de moradores que temiam eventuais abalos na estrutura de suas residências.

Vistorias realizadas hoje, porém, não identificaram dificuldades.

"Apesar da preocupação inicial, nenhuma estrutura foi abalada ou danificada. A mídia cumpriu um papel importante ao ouvir especialistas, que tranqüilizaram a população", disse. Quartéis dos bombeiros foram acionados na capital fluminense e em Angra dos Reis, na Costa Verde do Estado, São Gonçalo, no Grande Rio, Nova Iguaçu, na Baixada Fluminense, e Resende, no interior do Estado. A Defesa Civil também informou que recebeu 54 ligações e nada foi constatado nos locais vistoriados.

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.