TRE inicia julgamento sobre cassação de Arruda

BRASÍLIA (Reuters) - Os juízes do Tribunal Regional Eleitoral (TRE) do Distrito Federal começaram no final da tarde desta terça-feira a análise do pedido de cassação do mandato do governador licenciado José Roberto Arruda. O pedido se baseia na regra que determina que os mandatos pertencem aos partidos pelos quais os políticos são eleitos. Como Arruda se desfiliou do Democratas no final do ano passado, para evitar uma expulsão por conta do escândalo político no Distrito Federal, ele ficou sujeito à perda do mandato.

Reuters |

Pela regra, o partido ao qual o político pertencia pode requerer o cargo até 30 dias após a desfiliação. Se isso não ocorrer, o Ministério Público pode entrar com ação nos 30 dias seguintes. O procurador-regional eleitoral Renato Brill de Góes entrou com a ação no mês passado.

Arruda se encontra preso na Superintendência da Polícia Federal suspeito por envolvimento em suborno de uma testemunha nas investigação de um suposto esquema de propinas no Distrito Federal.

(Reportagem de Maria Carolina Marcello)

    Leia tudo sobre: iG

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG