Tamanho do texto

PARANÁ - O Tribunal Regional Eleitoral do Paraná (TRE-PR) decidiu cassar o mandato do vereador de Curitiba Valdenir Dias (PSB), acusado de abuso de poder econômico. A ação foi impetrada pelo PT em 2004. O partido espera agora a notificação da Câmara para que a vaga seja ocupada pelo petista Adenival Gomes. A assessoria do TRE informou que Dias deve ser afastado independentemente de recurso que prometeu apresentar no Tribunal Superior Eleitoral (TSE).

Segundo o PT, o que motivou a ação foi o "excesso" de publicidade utilizada por Dias durante a campanha e que não estaria na prestação de contas apresentada ao TRE. O vereador é acusado, entre outras coisas, de ter pintado mais de 300 muros com propaganda eleitoral sem que tivesse autorização para isso.

Em uma nota, Dias disse que não poderia se manifestar em razão do segredo de Justiça imposto à ação, mas disse que confia em uma revisão no TSE.

"O que posso adiantar é que esta decisão do TRE não me impede concorrer novamente à Câmara Municipal, onde tenho feito um bom trabalho, que pretendo dar continuidade no próximo mandato", destacou.

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.