Transposição é a maior mentira do País, diz d. Cappio

O bispo do município baiano de Sobradinho, d. Luiz Cappio, se reuniu hoje, em São Paulo, com entidades sindicais para denunciar as mentiras do governo Lula e esclarecer as verdades para a população sobre o projeto de transposição do Rio São Francisco.

Agência Estado |

Ao lado da ex-senadora Heloísa Helena (PSOL-AL), d. Cappio denunciou o que acredita ser uma "situação de quase ditadura". "O Executivo tem nas mãos o Legislativo e o Judiciário", afirmou.

Na avaliação do Bispo, a maior mentira do Brasil está relacionada à transposição do Rio São Francisco. "A água não é para quem passa sede, não é para os pobres", disse. "É mentira. Esse projeto é para o capital, é para os negócios." D. Cappio reafirmou ainda que o presidente Luiz Inácio Lula da Silva "voltou as costas para o povo brasileiro". Heloísa Helena afirmou que a transposição é "irresponsável economicamente". "O projeto é uma farsa técnica e uma fraude política."

Na carona da ex-senadora, os representantes das entidades sindicais, que também se opõem ao governo Lula, destacaram outros pontos que acreditam ser "mentiras do presidente". O Bolsa Família foi classificado como política "assistencialista e eleitoreira". Eles também disseram que a reforma agrária é uma "eterna promessa" e a reforma previdenciária, "um projeto contra o trabalhador".

    Leia tudo sobre: iG

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG