Transplantes de coração crescem 58% em São Paulo

SÃO PAULO - O número de transplantes de coração no Estado de São Paulo cresceu 58%, comparando os anos de 2008 e 2007. Foi o que revelou o balanço da Secretaria de Estado da Saúde de São Paulo, divulgado nesta quinta-feira.

Redação |

De acordo com os dados divulgados, foram 74 cirurgias em 2008, contra 47 em 2007. Em 2009, já aconteceram sete transplantes de coração - valor considerado superior à média mensal de 2008, de 6,1.

Já os transplantes de fígado registraram aumento de 35,6%, passando de 317 para 430, enquanto o número de cirurgias de rim subiu de 624 para 812. Ainda comparando-se os anos de 2007 e 2008.

Os transplantes de pâncreas e os enxertos de pulmão também cresceram. O primeiro passou de 109 para 122 (aumento de 12%) e o segundo aumentou em 56,6%.

Em nota divulgada a imprensa, a Secretaria associa diretamente os novos números ao aumento do número de doadores de órgãos no Estado. Tivemos um incremento muito expressivo nas notificações de potenciais doadores em 2008, afirmou Luiz Augusto Pereira, coordenador da Central de Transplantes da Secretaria.

Leia mais sobre: transplante de órgãos  - doação de órgãos

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG