Trânsito lento bate recorde em São Paulo, cidade fica em estado de atenção

SÃO PAULO - A forte chuva que atingiu a capital paulista nesta terça-feira levou o Centro de Gerenciamento de Emergências (CGE) da Prefeitura a decretar estado de atenção em toda a cidade de São Paulo das 16h25 até as 20h05. O bairro do Ipiranga, na zona sul, ficou em estado de alerta no mesmo período, devido ao transbordamento dos córregos Ipiranga e Ribeirão dos Meninos. A Companhia de Engenharia de Tráfego (CET) registrou 200 quilômetros de lentidão na capital às 19h, o maior índice deste ano.

Redação |

O último recorde de congestionamento havia sido batido às 19h30 do dia 6 de março, com 188 quilômetros. A CET registra 74 quilômetros de filas em toda a cidade de São Paulo, às 22h54.

Pontos de alagamento

O CGE informa que a chuva causou ao menos 54 pontos de alagamento em São Paulo, 20 deles intransitáveis. A maioria dos pontos se encontram nos bairros da Mooca, Sé e Ipiranga. Veja os pontos de alagamento no site do CGE.

AE

O pátio da fábrica de automóveis Ford, em São Bernardo, ficou alagado


O Corpo de Bombeiros atendeu pelo menos três ocorrências de pessoas ilhadas em São Paulo, nas avenidas Abraão de Morais e Ricardo Jaffet, na zona sul, e na Rua Harry Dannenberg, na zona leste. A CET interditou preventivamente o Túnel Anhangabaú, nos dois sentidos. O Aeroporto de Congonhas, na zona sul, opera por instrumentos devido à baixa visibilidade.

Na região do Grande ABC, os bombeiros socorreram várias pessoas ilhadas em São Bernardo, especialmente no centro. Em Santo André os chamados de resgate se concentraram na divisa com São Bernardo e, em São Caetano do Sul, a maioria das pessoas ilhadas estavam na avenida Guido Aliberti, ao lado do Ribeirão dos Meninos, e na avenida do Estado, na divisa com São Paulo.

As pistas centrais da rodovia Anchieta, nos dois sentidos, seguem bloqueadas na altura do quilômetro 13, por causa do transbordamento do Ribeirão dos Couros, em São Bernardo. Por volta das 20h, a pista marginal norte da rodovia Anchieta, sentido São Paulo, foi totalmente liberada. A alternativa para o motorista que segue em direção a São Paulo é utilizar as saídas dos quilômetros 23 ou 18. Para quem segue sentido litoral, é recomendado utilizar a rodovia dos Imigrantes.

AE

A chuva desta tarde dificulta o tráfego dos veículos em São Paulo e ABC


Metrô e CPTM

A CPTM (Companhia Paulista de Trens Metropolitanos) informa que, às 21h45, foi normalizada a circulação dos trens da Linha 10-Turquesa (Luz - Rio Grande da Serra). O tráfego dos trens estava interrompido por conta das fortes chuvas que atingiram a região do ABC.

O Metrô informa que opera com todos os trens em circulação e, devido ao maior número de usuários nas estações, o horário de pico foi estendido.

Queda de energia

Na cidade de São Paulo, a chuva causou falta de energia elétrica em trechos dos bairros de Pirituba, Casa Verde, Pinheiros, Vila Clementino, Jardim Aeroporto, Planalto Paulista e centro, além de pontos espalhados pelo Grande ABC. A empresa AES Eletropaulo informou não ter previsão para o restabelecimento do fornecimento da luz nos locais atingidos.

Em nota, a Eletropaulo comunicou que os vários pontos de alagamento na cidade dificultam o trabalho dos 500 homens que prestam serviço de emergência. De acordo com companhia, os funcionários têm dificuldade para chegar aos locais onde caíram árvores e foram rompidos cabos.

*Com informações da Agência Estado

Veja o vídeo:


Veja também:


Leia mais sobre:
chuvas

    Leia tudo sobre: chuva

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG