Trânsito e idealismo são temas de primeiro discurso de Soninha como candidata

SÃO PAULO - Em seu primeiro discurso como candidata oficial do PPS à Prefeitura de São Paulo, na convenção do partido neste domingo, a vereadora Soninha Francine defendeu a volta do idealismo à política e afirmou que uma solução para o trânsito, tema central de sua campanha, desataria todos os outros nós.

Cristiane Carvalho, do Último Segundo |

"Está tudo entrelaçado. O trânsito piora a qualidade do ar, que causa problemas de saúde, que sobrecarrega o sistema de saúde. O trânsito deixa as pessoas esgotadas e, com isso, elas não têm tempo para se aperfeiçoar profissionalmente. Está tudo interligado. Se a gente puxar o fio certo, desata todos os nós", disse.

Ela comentou o fato de que agora falar do trânsito "está na moda". "O trânsito já não é um tema sério há muito tempo? Demorou tanto para cair a ficha?", questionou.

"É perfeitamente possível entrar na política e se guiar de acordo com o que se acredita. Fácil não é, confortável não é, mas é possível entrar, sofrer pressões e resistir à elas", declarou. Para Soninha, "a sociedade precisa ser reencantada pela política".

Soninha disse que é preciso discutir a configuração da cidade. "Senão você pode construir beliches de metrô, dez minhocões e dez lajes sobre o Tietê que não vai adiantar", disse em alusão à proposta do pré-candidato do PP, Paulo Maluf, que sugeriu colocar lajes sobre os rios Tietê e Pinheiros para resolver o problema do trânsito.

PV

O Partido Verde (PV) realizou sua convenção na Assembléia Legislativa neste domingo e oficializou seu apoio à candidatura do prefeito Gilberto Kassab (DEM) à reeleição.

Leia mais sobre: eleições

    Leia tudo sobre: eleições

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG